segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Pavimento para cozinhas

O pavimento mais acertado para cozinhas

Hoje em dia, há imensas soluções para os pavimentos interiores, quer sejam em quartos, cozinhas, casas de banho. Há solução para tudo e até já se usa pavimento de madeira em qualquer divisão da casa. 

Hoje vamos indicar o pavimento mais apropriado para a cozinha e que deve ser antes de mais: impermeável, não absorvente, lavável e anti-derrapante.

Aqui ficam algumas sugestões:

Pavimento flutuante
São mais usados para quartos e salas, mas hoje em dia já exitem flutuantes impremeáveis, tornando o ambiente da cozinha muito confortável e acolhedor. É uma solução bastante económica.

Exemplos de flutuantes:



(estes são da marca PAVITIN)

Exmplos de cozinhas com pavimento com flutuante:








Madeiras naturais:
É um material mais caro, mas hoje em dia já se encontram várias marcas e a vários preços. As madeiras nos tempos de hoje já levam um tratamento especial para ficarem com grande resistência e durabilidade.








 
Pavimento em pedra

Mosaicos:
De acabamento muito atractivo o mosaico é um material de colocação muito delicada, mas que nos permitem variadas combinações. As dimensões das peças hoje em dia são variáveis e o resultado é duro e frio, ideal para cozinhas e casas de banho.




 
Mármore:
O mármore é a pedra mais valiosa, a sua gama de cores é muito variada, mas a sua cor tem a ver com a sua origem. Tem de se ter atenção onde vai ser utilizado pois é demasiado clássico e frio e quando usado em áreas muito grandes, torna-se num ambiente muito pouco confortável.





Granito:
O granito, tem acabamento brilhante devido à origem cristalina. É resistente, duro, impermeável e reage bem aos produtos químicos. Quando for usado em cozinhas, deve levar um acabamento ligieramente rugoso, para não se tornar demasiado escorregadio.






Outros pavimentos adequados para ambientes mais modernos, e de grande qualidade estética:

Cimento: permite muitos tratamentos que lhe dão um aspecto muito diferente do habitual, pinturas, polimento e textura.

Alumínio: o alumínio é mais indicadas para espaços húmidos porque não oxida.

Vidro: apesar de ser um material caríssimo é um material que não é muito usado, apesar de apresentar um acabamento espectacular e luxuoso, devem levar um tratamento texturado para nãos erem resvaladiças. O vidro mais usado é o vidro temperado grosso adequado às exigências de carga e peso.

1 comentário:

Kiki disse...

A minha é em madeira e eu adoro!!! :)))